Você está aqui

IV Seminário sobre Uso Eficiente do Etanol
25 de Outubro
Jundiaí Tech Center da Mahle - Rodovia Anhanguera km 49,7 (sentido interior – capital SP) - Jundiaí - SP

Programação

 

Temas do IV Seminário sobre Uso Eficiente do Etanol: programação preliminar

25 de Outubro
Horárioordem decrescente
08:30

Inscrição

09:00

Tecnologias

Ciclo Otto a Etanol:

Desenvolvimentos recentes avaliaram motores ciclo Otto otimizados para usar o etanol. As palestras apresentam as características e resultados destes experimentos, inclusive a possibilidade de substituírem o ciclo diesel em várias atividades e setores.

Etanol Aditivado:

A tecnologia de substituição de diesel por etanol, mais testada e difundida, tem como base o uso de um motor ciclo diesel em que um aditivo é misturado ao etanol.

Novos ciclos:

Por mais de um século, o desafio da engenharia foi superar dificuldades inerentes aos combustíveis de origem fóssil, heterogêneos, com baixa octanagem e razão estequiométrica desfavorável. Por ser homogêneo e ter diversas propriedades melhor sintonizadas com as necessidades dos motores de combustão interna, o etanol permite mais simplicidade abrindo novas e amplas possibilidades.

Bicombustíveis:

O uso combinado do etanol com o diesel foi testado em 2010 no Brasil, substituindo de forma competitiva até 40% do etanol. Descontinuado por razões externas ao fabricante e sistemista que desenvolveram o projeto, o seu reexame pode dar indicações relevantes para aplicações com as gerações mais modernas de motores.

Pesquisa & Desenvolvimento:

O PROACOOL foi viabilizado, em seu início, pelo trabalho de pesquisa no CTA, que estudava as virtudes do etanol antes das crises do petróleo. Hoje, apesar da importância do etanol no Brasil, trabalhos acadêmicos e de pesquisa são mínimos. 

13:00

Almoço

14:15

Usos

Uso estacionário:

Motores cíclicos são mais eficientes quando operam com velocidade e carga constantes. Usando um combustível renovável, aumentam substancialmente as chances de competir com o diesel em moto bombas e geradores elétricos.

Hibrido-elétrico: 

A hibridação junta as virtudes dos motores de combustão interna, que são usados de forma estacionária.

Usos no Brasil:

 Alguns interesses imediatos: setor de cana que consome quase 3 bilhões de litros de diesel no de plantio, colheita, transporte e irrigação, correspondente a 10% da energia do etanol produzido.

15:30

Política

Etanol Como Commodity:

É do interesse do Brasil aumentar ao máximo o uso do etanol como combustível, inserindo novos players na produção e no consumo, minimizando desconfianças vinculadas à sua origem agrícola e à concentração da produção.   

Uso Internacional:

Os recentes problemas para conciliar eficiência e emissões em carros leves ciclo diesel apontam para um uso otimizado do etanol (sobretudo com origem na cana) como uma forma mais simples e preferencial à eletrificação veicular.

Painel Debate:

Barreiras regulatórias, técnicas e mercadológicas

17:30

Encerramento

Menu principal